Domingo, 25 de Outubro de 2009

Assim será...

Sob a luz do sol, ninguém se desvenda?

Encontro nos teus olhos as lágrimas vertidas...

Pelos mundos que já cruzaste.

 

Tu não me compreendes, e nem te importas...

Tu não me conheces, e não trajas as minhas correntes.

 

Num campo desnudo e apelador, os teus pensamentos consomem-se pelo vento

Quando as flores desabrocham... também elas por ti choram,

Quando as vês...

Tu não me conheces, e nem te interessas…

 

Descubro que:

Começo uma nova vida, começamos...

De novo tudo, onde ninguém conhece o meu nome,

Por fora daqui, onde muda o tempo,

Uma nova metrópole, para deixar tudo aquém,

Urge um pôr-do-sol, estou cansado de o ver brotar.

Quiçá o frio me sossegue.

 

Aonde ninguém reconhece o meu nome...

 

Por: Gerson


. indiferente às 23:49
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Como disse?

. Coisas Realmente Inúteis....

. Silêncio...

. Remembrances

. Coisas a fazer...

. Assim será...

. Se fosse o ultimo momento...

. Wish I

. mas tu não estás

. undiscovered

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Outubro 2009

. Março 2009

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds