Segunda-feira, 24 de Março de 2008

undiscovered

Meu amor, não ansiaste estar comigo?

Meu amor, nunca desejas-te ser livre?

Na noite apenas a mim pertences

Pega na minha mão

Partiremos ao escurecer

Não precisamos partilhar com ninguém

Eles tentariam impedir-nos

Assim que o sol luzir

Iremos a meio caminho do incógnito

Onde o amor significará deveras mais que o teu nome

Sonho com um lugar onde tu e eu

Ninguém saberá quem somos

Onde tudo o que quero é dar-te quem sou

Sonhei durante tanto tempo que já nem consigo voltar a fazê-lo

Fugiremos…

Levar-te-ei até lá!

Por: (in)diferente


. indiferente às 21:12
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De devil_red a 19 de Abril de 2008 às 11:34
ando desaparecida, mas já voltei. a vida é assim mesmo.
andas muito romântico e sonhador. morpheus atingiu-te? =)


De Di a 1 de Maio de 2008 às 19:59
Quiero decirte que te amo,
quiero decirte que eres mío,
que no te cambio por ninguno,
y por tenerte desvarío.

Quiero decirte que te amo,
porque eres tan igual a mí,
cuando por nada discutimos,
y luego te cierras en tí.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Como disse?

. Coisas Realmente Inúteis....

. Silêncio...

. Remembrances

. Coisas a fazer...

. Assim será...

. Se fosse o ultimo momento...

. Wish I

. mas tu não estás

. undiscovered

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Outubro 2009

. Março 2009

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.links

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds