Quinta-feira, 31 de Agosto de 2006

+ um pouquinho de mim

Como havia escrito no primeiro post, este blog (entre muitas coisas) era feito com o intuito de me dar a conhecer a quem (diz não o fazer) mas que pretende dar-me a oportunidade de me mostrar a conhecer, pois bem este post serve para levantar mais um pouco do véu que cobre a minha personalidade, a minha maneira de ser.

Neste momento escrevo desde a praia, sim, uma das minhas perdições é a praia mas não é disso que quero falar (esta foi à borla, pois não pertence ao post), quero falar de uma outra “paixão”… a música. Considero-me uma das muitas pessoas que não viveria sem a música na vida… bem talvez seja algo exagerado, mas o que é certo é que sem ela tudo seria bem mais difícil de suportar. Se o cinema é a sétima arte (também adoro o cinema, mas isso fica para um outro post, mais uma à borla!) a música não lhe fica atrás de forma alguma… e é engraçado imaginar de que forma terá sido “descoberta” a música, e todo o trajecto que tomou até aos dias de hoje…

Quando disse que a música era uma das minhas paixões e que dificilmente “sobrevivia” sem ela, talvez não estivesse tão distante da realidade não seria uma ideia tão rebuscada, pois gosto de pensar que a minha vida é feita e baseada numa grande soundtrack que eu próprio compilei, músicas que me ajudam quando estou em baixo (staind, 3 doors down, lifehouse vertical horizon, ornatos, natasha bedingfield, hootie and the blowfish, etc.) músicas quando estou com aquela pessoa especial (nickelback, creed, usher, enrique iglesias, evanescence, santos e pecadores, puddle of mudd, etc.)  musicas quando saio à noite com os amigos (benni benassi, cabin crew, michael gray, etc.) ou simplesmente uma musiquinha para curtir o fim do dia, ao pôr-do-sol (gentleman, patrice, virgul, sean paul etc.).

Mas também gosto de ouvir algo menos convencional, para aqueles momentos… menos convencionais em que necessitamos “descarregar” o stress e algumas frustrações, algo como disturbed, korn, limpbizkit, metallica, motörhead, smashing, seether, guns ‘n’ roses, slipknot , snot, rob zombie, pitty, rage, il niño, linkin, cradle of filth (estes então são mesmo “nada” convencionais), ou mesmo uma onda hip-hop (com os nossos da weasel à cabeça, mas também 50 cent, eminem, x-zbit, busta rhymes, marcelo d2, dmx, lady sovereign, orishas e insane clown posse), ou ainda um pouco de punk, só porque sim, pois o punk não se explica, sente-se (com sum41, blink, good charlotte, green day, all-american rejects). Mas há também a música de sábado à noite que é o reggaeton (com o daddy yankee, ivy queen) e os kizombas (irmãos verdade… eh eh), não é muito a minha onda mas para dançar vale tudo…

Como é fácil concluir oiço de tudo um pouco desde que seja boa música (o que é bastante subjectivo), não sou muito apologista de colocar rótulos nas vertentes musicais assim como no género que oiço, rótulos são colocados nas embalagens dos supermercados, e mesmo assim eles caem (os rótulos claro está), no entanto deixo aqui algumas músicas que gosto muito e que representam muito para mim…

 

Disturbed – stricken, down with the sickness, the game (provavelmente poderia dizer todas as músicas dos cd’s todos); Metallica – fixxxer (assim como todas as musicas de todos os cd’s, mas esta marca-me especialmente); 3 doors down – this time, landing in london; Efecto Mariposa – no me crees, complejidad, mi soledad; The Shins – new slang; Da Weasel – o puro, carroussel, selectah, loja, etc; Guns n’ Roses – welcome to the jungle, don’t cry; Within Temptation – aquarious, memories;  Natasha Bedingfied – unwritten, the one that got away;  Vertical Horizon – heart in hand; Slipknot – left behind, duality; Cradle of Filth – from cradle to enslave;  Staind – so far away; Silverchair – suicidal dreams, miss you love; Midge Ure – breathe; Lifehouse – sick cicle carousel, trying, breathing, everything; Puddle of Mudd – blurry, drift & die; Skunk Anansie – tracy’s flaw; Matchbox Twenty – unwell; Placebo – i know; Cutting Crew – i just died in your arms tonight; Christina Strümer – engel fliegen einsam; Drowning Pool – bodies; Breaking Benjamin -  wish i may; Mudvayne – not fallin’; Bush – little things; Dope – debonaire; Korn – got the life; entre muitos, muitos outros de tal forma que poderia encher páginas com os meus grupos e músicas favoritas...

 

Smp cm nc foi, TJ  

 

---- este será o ultimo post de TJ, continuando no entanto a haver publicação de posts no blog, queria aproveitar para agradecer, foram muitas linhas de mim que partilhei de bom agrado com quem teve a paciência para me ler… obrigado! Esperem novidades para breve...


. indiferente às 23:07
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Agosto de 2006

Férias

      Hoje vou finalmente de férias (e que bem merecidas que elas são, ou vão ser... também tenho direito né?). Espero voltar com mais posts e maluqueiras no fim de Agosto, principios de Setembro... até lá, a quem está de férias uma boa continuação e que aproveitem, a quem não está... força. Bom Verão, e muita praia (vêmo-nos lá) é o que se deseja...

Smp, TJ


. indiferente às 15:57
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Agosto de 2006

Futebol vs Sex0

         É verdade, o campeonato do Mundo disputado este ano na Alemanha chegou ao fim... pois é, 64 jogos o que representa um total de 5760 minutos de futebol (sem contarmos os jogos que tiveram tempo extra, e os que se decidiram na lotaria das penalidades, não é Ricardo??!).

Dissecando a fundo, 5760 minutos, são 96 horas, o que significa que os fãs do desporto rei (onde eu, inequivocamente me insiro) despose-mos (do que poderia ser)  4 dias de futebol ineterrupto (as tais 96 horas) divididas por 30 dias de intenso fervor nacionalista, e onde o mundo passou ele mesmo a ser uma enorme bola (de futebol, claro está), onde povos e nações de todo o Mundo se uniram à volta deste desporto, para ver os golos e as defesas (cabeçadas a parte) dos seus ídolos que representavam as suas nações! E desde aqui quero fazer um apelo em nome de todos os homens que se vidraram em frente da televisão, acompanhando cada instante desses 64 jogos (sim porque todos foram transmitidos...), e o apelo é o seguinte, queremos pedir desculpa por termos negligenciado o sexo oposto, sejam elas as nossas mães, irmãs, namoradas, tias-avós... etc. Mas têm de compreender que isto só acontece de 4 em 4 anos, ao contrário das novelas (um comentário um pouco machista, mas foi só para prender a vossa atenção... em jeito de brincadeira).

No entanto não é disso que este post vai falar... apesar de não pertencer a este grupo, aqui a minha função é apenas constatar factos, é raro mas existem homens que valorizam mais o futebol que propriamente o sexo... e há inclusive um estudo ao qual, de forma que não posso especificar, tive acesso, mas que está de tal forma envolto em secretismo (secretismo esse justificado pelo facto de se estes resultados são tornados públicos, toda a sociedade como a conhecemos estará em risco, em jeito de código de Da Vinci) que não posso deixar de vos revelar em primeira mão... o resultado deste estudo apresenta as razões principais para que muitos homens prefiram o futebol (jogado ou simplesmente visto na TV) ao sexo... então aqui vão os resultados...

 

1-     Podes ver futebol enquanto comes umas batatas fritas e bebes umas cervejolas, o sexo não.

2-     Não tens de esperar que o jogo termine para poder fumar um cigarrito.

3-     Podem participar os teus amigos sem que a tua namorada/esposa pense que és um tarado!

4-     Se te está a correr mal, sempre podes colocar as culpas no árbitro ou no estado do terreno (coisa que no sexo não é possível).

5-     Podes colocar em prática diversos tipos de jogadas sem recorreres ao kamasutra.

6-     O chão é uma superfície mais que suficiente (“cómoda”) para jogar uma partida de futebol.

7-     Se pagas para jogar futebol, não és considerado um fracassado, nem corres o risco de ir dormir à cadeia.

8-     Podes jogar futebol com pessoas quem nem conheces sem grandes riscos.

9-     As lojas vendem artigos relacionados com futebol a menores de idade.

10-  Não tens de preocupar com doenças venéreas.

11-  Não há relato de uma gravidez indesejada por se jogar (ver) futebol.

12-  Não há necessidade de qualquer dos interveniente numa partida de futebol fingir orgasmos... se bem que esta para os homens, é um pouco mais chata.

13-  Não há problema se o futebol é praticado por menores de idade.

14-  Se não estás a gostar do jogo podes muito bem dizê-lo abertamente, e até mudar de canal.

15-  Independentemente da tua religião, não tens de esperar até estar casado para colocares em prática os teu dotes futebolísticos.

16-  Não és gozado se jogas futebol com pessoas menos “atraentes”.

17-  Podes reutilizar o teu material (de futebol, o que estavam já a pensar), vezes sem conta, convém é que seja lavado após cada utilização.

18-  Os acontecimentos pré-jogo, não envolvem acender velas de cheiro, e colocar músicas românticas.

19-  Pode-se jogar futebol na rua (esta é importantíssima!!!).

20-  Ninguém vai comparar se jogas melhor ou pior que os ex-.

21-  Ninguém fica deprimido por ter 35 anos e nunca ter jogado futebol.

E para finalizar,

         22-  No fim de uma partida de futebol ninguém te vai perguntar se: “foi tão bom para ti como foi para mim?”

 

 

Revelado que está o segredo por detrás de este estudo, espero que compreendam a obsessão de muitos homens em relação a este desporto...

 

Smp, TJ (de salientar que as opiniões reveladas neste estudo não representam de forma alguma a opinião do autor).


. indiferente às 21:52
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Como disse?

. Coisas Realmente Inúteis....

. Silêncio...

. Remembrances

. Coisas a fazer...

. Assim será...

. Se fosse o ultimo momento...

. Wish I

. mas tu não estás

. undiscovered

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Outubro 2009

. Março 2009

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.links

.contador

SAPO Blogs

.subscrever feeds