Quarta-feira, 16 de Junho de 2010

Como disse?

já imaginaram como os telefones e telemóveis seriam estranhos na eventualidade de não termos a boca relativamente proxima das orelhas?!


. indiferente às 15:55
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 5 de Junho de 2010

Coisas Realmente Inúteis... a Saber!

A net encontra-se inundada de informação inútil  e no espirito globalista corrente, irei adicionar mais algo à web colocando um post inútil, mas que à imagem de outros poderá muito bem servir (mais não seja) para aqueles minutos que partilhamos com os nossos vizinhos no elevador sem saber o que dizer (aka desbloqueadores de conversa), o que torna a viagem bem desconfortável.

Então, without further ado, que é como quem diz, sem mais demoras aqui ficam algumas coisas realmente inúteis... a saber.

 

  • Wayne Allwine, a voz original da personagem da Disney, Mickey Mouse, era casado com Russi Taylor, que interpretava a voz da Minnie.
  • Dados estatísticos (por mim recolhidos especialmente para este post) apontam para que a mentira mais contada é: “Eu estou bem!”
  • As minhocas podem ter até nove corações... é muito love para dar num bichinho tão...
  • Se um dia alguém se chegar perto de vocês, leitores assíduos deste blog, e vos disser que sofre de anatidaefobia, vocês poderão responder: “ ahhh, tens medo que um pato te esteja a observar?”, pronto, agora já sabem... quem é amigo quem é?!
  • As vacas conseguem subir escadas, mas infelizmente já não as conseguem descer... conheço um certo tipo de facas que não consegue fazer muitas mais coisas... mas fiquemos por aqui.
  • Agora para as meninas, sabiam que o nome completo da vossa boneca Barbie é: Barbara Millicent Roberts? Não? Mas aposto que sabiam que o Ken não tem... pernas articuladas, que pensavam que ia dizer??
  • Os flamingos são cor de rosa devido à sua alimentação... pensavam que os animaizitos eram homo... laril... alternativos? (hufff!)
  • Talvez o ditador mais temido e mais cruel de todos os tempos, Adolf Hitler, era vegetariano. (não vou fazer qualquer piada... bem podem esperar sentados).
  • O mel é o único alimento que não apodrece...
  • Se os tubarões ficarem de cabeça para baixo, entram em coma... humm... adivinhem quem não vai dar uma cambalhotas esta noite... eh eh.

 

Se chegaram aqui, os meus parabéns, pois neste instante encontram-se munidos de novas informações que serão no futuro, completamente inúteis, e se gostaram (se gostaram? se gostaram, vocês são a principal causa do país se encontrar na crise em que está, vão mas é trabalhar óooh), preparem-se porque a inutilidade não fica por aqui... aguardem!

 

Por: (in)diferente


. indiferente às 02:13
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 7 de Maio de 2010

Silêncio...


"Silêncio... hoje morreu um poeta
E a carne morreu esquecida
Como esquecida viveu
Silêncio... hoje morreu um poeta
Que espalhou rimas de vida
Nos poemas que escreveu"

 

poema da autoria de Rui Manuel


. indiferente às 12:45
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Abril de 2010

Remembrances

Ontem olhei para o céu e apenas sorri... já nem me lembro ao tempo que isso não acontecia...


. indiferente às 23:09
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009

Coisas a fazer...

À medida que vamos avançando na idade, começamos a ver a vida por outros olhos, os objectivos passam a ser diferentes. Por exemplo, quando era criança o meu objectivo passava esperar pelo próximo natal... Agora é mais do género, quando é que chegará o próximo ordenado...

Então, este post é para todos aqueles que divagam pela vida, desprovidos de objectivos e que procuram introduzir alguma emoção nas suas vidas...

Aqui fica a lista (não necessariamente pela ordem apresentada), a cumprir rigorosamente, das coisas a fazer antes de morrer... agora digam lá, quem é amigo quem é??

 

  1. Colocar um cachecol do Benfica no Dragão que se encontra no estádio do Futebol Clube do Porto.
  2. Acordar no esgoto.
  3. Conseguir ser expulso de um casino.
  4. Alarmar toda a gente dizendo que vem aí um terramoto.
  5. Aprender a preencher correctamente a declaração do IRS.
  6. Sobreviver a uma luta de bar.
  7. Caminhar na selva armado apenas com um corta-unhas.
  8. Deixar crescer um bigodinho à GNR, só mesmo para ver se fica bem (as senhoras também podem testar este).
  9. Pescar um tubarão de pelo menos 4 metros.
  10. Dar um soco no chefe.
  11. Passear na Zona J com uma t-shirt quem tem escrito na frente: “odeio pretos” e nas costas:”sim, sou racista! Há crise?!”
  12. Passar uma noite na prisão.
  13. Infiltrar-se num casamento e gritar bem alto que o noivo é irmão da noiva.
  14. Dar uma galheta a um arrumador de carros e roubar-lhe as moedas.
  15. Ir a uma noite de karaoke e cantar “Malhão, Malhão”, independentemente da música que estiver a tocar.
  16. Usar o penteado à Paulo Bento.
  17. Dar um pontapé num policia.
  18. Lutar com um pitbull.
  19. Assaltar um banco vestido de super-herói.
  20. Comer Pato à Pequim em Pequim.
  21. Convidar todos os teus amigos para um jantar na tua casa e depois enviar-lhes a conta por correio.
  22. Trocar a mesa de jantar por uma mesa de snooker.
  23. Ensinar judo a um chimpanzé e depois dar-lhe uma coça.
  24. Oferecer um anel de diamantes que sai nos brindes das crianças e tentar convencer a namorada de que é verdadeiro.
  25. Descer a Serra da Estrela todo nu em Dezembro.
  26. Ir a uma loja de armas e perguntar: “O que recomenda para dar uma boa lição a um amigo”.
  27. Colar-se ao Primeiro Ministro numa cerimónia pública, soltar gases e fugir discretamente, repetir o processo as vezes que forem possíveis.
  28. Partir um tijolo com a cabeça.
  29. Apanhar uma bebedeira e cortar o cabelo a um amigo.
  30. Arranjar um cão e dar-lhe o nome de “Grande Cabrão”, para que quando chamar o cão, todos os amigos olhem.
  31. Andar pelas ruas de uma grande cidade com os boxers vestidos por cima das calças.
  32. No dia 25 de Abril ir para a Avenida da Liberdade munido com um megafone e cantar “Oh tempo, volta para trás”.
  33. Capotar um carro e ficar vivo para contar a história.
  34. Comprar um colchão e pedir ao empregado se pode passar a noite na loja para testar se o colchão é bom para as costas.
  35. Alugar um topo de gama e obrigar a polícia a uma perseguição a alta velocidade.
  36. Ver um filme porno até ao fim.
  37. Inventar um boato do tipo: “As bebidas energéticas têm ecstasy”.
  38. Saltar do segundo andar para um contentor repleto de comida chinesa e lâmpadas fluorescentes.
  39. Comer seis Big Mac’s ao almoço durante uma semana.
  40. No dia 1 de Maio gritar para os vizinhos: “Vai mas é trabalhar, Calão!”
  41. Aprender a comer com os pauzinhos.
  42. Ir para a porta do cinema e contar o fim do filme às pessoas que estão na fila.
  43. Meter gasolina e fugir sem pagar.
  44. Bater a todas as portas das casas de uma cidade que esteja a visitar e tentar convencer os proprietários convidá-lo para jantar.
  45. Comer bolos numa pastelaria sem pagar e ainda reclamar a dizer que encontrou cabelos em todos eles.

 

a vida é curta, o arrependimento eterno

 

Por: Gerson

 


. indiferente às 01:05
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 25 de Outubro de 2009

Assim será...

Sob a luz do sol, ninguém se desvenda?

Encontro nos teus olhos as lágrimas vertidas...

Pelos mundos que já cruzaste.

 

Tu não me compreendes, e nem te importas...

Tu não me conheces, e não trajas as minhas correntes.

 

Num campo desnudo e apelador, os teus pensamentos consomem-se pelo vento

Quando as flores desabrocham... também elas por ti choram,

Quando as vês...

Tu não me conheces, e nem te interessas…

 

Descubro que:

Começo uma nova vida, começamos...

De novo tudo, onde ninguém conhece o meu nome,

Por fora daqui, onde muda o tempo,

Uma nova metrópole, para deixar tudo aquém,

Urge um pôr-do-sol, estou cansado de o ver brotar.

Quiçá o frio me sossegue.

 

Aonde ninguém reconhece o meu nome...

 

Por: Gerson


. indiferente às 23:49
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Março de 2009

Se fosse o ultimo momento?

Se o agora fosse o ultimo instante?

Deixariam os vossos medos de parte?

E escolheriam a estrada mais difícil?

 

Se o agora fosse o ultimo instante?

E o amanhã já não houvesse…

Sentirias falta do ontem?

Viveriam o momento como se fosse o último?

Deixariam as memórias para trás?

Se o agora vosso o ultimo instante…

 

Deveremos enfrentar tudo o que a vida nos oferece?

Aquilo pelo que lutamos merecerá o nosso esforço?

Todos os segundos contarão pois não se repetem…

 

Então, vive, vive como nunca viverias,

Na vida não aceites nada como garantido…

 

Se o agora fosse o ultimo instante na tua vida

Lembrar-te-ias dos amigos que esqueceste?

Reviverias memórias apagadas?

Procurarias aquele com quem sonhas?

Jurarias ao Divino que finalmente te deixarias apaixonar?

 

Se o agora fosse o ultimo instante…

Tentarias remendar um coração partido?

Nunca é demasiado tarde para alcançar o que sonhas

Independentemente da imagem em que te revês

 

Então…

Faz o que entenderes,

Pois não consegues voltar atrás,

Não deixes que nada te impeça

 

“Porque o maior mestre é o Tempo”

 

E ele nem sempre está do teu lado…

Por isso,

 

Viverias cada momento como o ultimo?

Lembrar-te-ias de quem te esqueceste?

Guardarias as tuas memórias?

Perdoarias os teus adversários?

Procurarias aquele com quem sonhas?

e…

e…

… Se este fosse o teu ultimo instante?

O que valeria para ti esse ultimo momento?

 
Por: (in)diferente


. indiferente às 22:26
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 20 de Abril de 2008

Wish I

Anseio estar demasiado inerte para chorar
A minha imagem desvanece
Pedras para arrojar ao destino
Sou perfeito para quem magoa

Não te precisas inquietar, não existo
Vou esfumando-me
Quando prende não larga até ferir

Anseio estar demasiado inerte para me preocupar
se alguma vez me preocupei
Jamais levantei a voz em protesto
E como tal, desejos se sobrepunham
Ambicionava uma razão
Expostas as minhas feridas estão
Por tal, desisto de intentar

Sonho em sentir o lado inverso da vida
Um pano cobre o meu rosto
Fantasias são as minhas memórias
Diários repletos de escritas desprovidas

E tu não necessitas preocupar-te, não existo
Continuarei atenuando-me…
Quando prende não larga até ferir

Por: (in)diferente


. indiferente às 23:43
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sábado, 19 de Abril de 2008

mas tu não estás

Mais um dia que termina
Pensar em ti é tudo o que faço
Mas tu não estás
E eu desespero

Escrevo uma carta no meu pensamento
Porque tantas coisas ficaram por expressar
Mas tu não estás
E eu não me conformo

Faria tudo…
Para te sentir entre os meus braços
Para te voltar a ver sorrir
Não existe forma possível de te esquecer
E faria tudo…
Para adormecer a teu lado
Lembrar-te-ias de mim?
Porque eu não te esqueço…

Fecho os meus olhos
E tudo o que vejo és tu
Tento adormecer e não te esqueço
Porque eu não te esqueço…

Por: (in)diferente


. indiferente às 22:23
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 24 de Março de 2008

undiscovered

Meu amor, não ansiaste estar comigo?

Meu amor, nunca desejas-te ser livre?

Na noite apenas a mim pertences

Pega na minha mão

Partiremos ao escurecer

Não precisamos partilhar com ninguém

Eles tentariam impedir-nos

Assim que o sol luzir

Iremos a meio caminho do incógnito

Onde o amor significará deveras mais que o teu nome

Sonho com um lugar onde tu e eu

Ninguém saberá quem somos

Onde tudo o que quero é dar-te quem sou

Sonhei durante tanto tempo que já nem consigo voltar a fazê-lo

Fugiremos…

Levar-te-ei até lá!

Por: (in)diferente


. indiferente às 21:12
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Como disse?

. Coisas Realmente Inúteis....

. Silêncio...

. Remembrances

. Coisas a fazer...

. Assim será...

. Se fosse o ultimo momento...

. Wish I

. mas tu não estás

. undiscovered

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Outubro 2009

. Março 2009

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.links

.contador

blogs SAPO

.subscrever feeds